Novas ferramentas da Microsoft no Windows 10

 

 

 

Image

Com a chegada do Threshold 2, a primeira grande atualização para o Windows 10, a Microsoft lançou um conjunto de novas ferramentas criadas para tornar o seu dia-a-dia mais simples.

Lançado no passado mês de Novembro, a primeira grande atualização do Windows 10, originalmente designada como Threshold 2 e recentemente nomeada como Update de Novembro, vem corrigir diversos problemas relacionados com o espaço de armazenamento nos seus discos rígidos, bem como melhorar a conectividade com diversos periféricos, como impressoras. Esta atualização introduziu também novas funcionalidades no menu ‘Iniciar’, bem como melhorias significativas no navegador de Internet integrado, o Microsoft Edge. Com este guia vamos ensinar-lhe como instalar a nova atualização, bem como tirar partido das novas funcionalidades introduzidas pela mesma.

 


1. Prepare-se para a atualização

01 - Updates

Para poder atualizar o seu Windows 10, abra o menu ‘Iniciar’ e entre em ‘Definições’, ‘Atualizar e Segurança’ e escolha a opção ‘Opções Avançadas’. No menu seguinte, deverá escolher na primeira opção, o modo ‘Automático (Recomendado)’, bem como “picar” a caixa ‘Receber atualizações de outros produtos Microsoft ao atualizar o Windows’. A seguinte caixa, ‘Diferir actualizações’ deverá ficar intacta, ou seja, sem estar escolhida. De seguida volte atrás e clique na opção ‘Procurar atualizações’.

 

2. Confirme a sua versão do Windows

02 - Versao

Se já tinha as atualizações do Windows configuradas para correrem de forma automática, está na altura de verificar qual a sua versão, se a original ou a atualizada. Para tal deverá aceder ao menu ‘Iniciar’ e escrever cmd para abrir a Linha de Comandos; de seguida, escreva winver. Será aberta uma janela com a indicação da versão do seu Windows 10. Se indicar 10.0 (compilação 10240), então estará perante a versão anterior, sendo a nova identificada como 1511 (compilação 10586).

 

3. Como forçar o Update

03 - Forcar-Update

Caso verifique que a sua versão do Windows 10 ainda é a original, não se preocupe, especialmente se realizou a atualização do seu anterior Windows 7 ou 8, uma vez que existe a opção de voltar atrás durante 31 dias. Se este é o seu caso, e se não pretende regressar à anterior versão do seu Windows, existe uma maneira de forçar a instalação da mais recente do Windows 10. Para isso será usada uma ferramenta de migração, que pode ser descarregada a partir desta página Clique em ‘Atualize Agora’ e corra a aplicação.

 

4. Atualize o Windows

04 - Actualizar

Assim que iniciar a aplicação descarregada, o Configurador do Windows 10, este irá descarregar a versão mais recente do sistema operativo à Microsoft, de forma automática. Recomendamos que tenha uma ligação de banda larga (cabo ou fibra) sem limite de downloads, uma vez que os ficheiros descarregados serão bastante pesados. Após descarregar os ficheiros, a aplicação irá mostrar os Termos de Licenciamento, os quais deverão ser aceites para que possa instalar a versão mais recente do Windows 10 no seu computador.

 

5. Novidades visíveis

05 - Desktop

Após um longo período em que o seu sistema operativo é devidamente atualizado (com alguns reboots pelo meio), entrará no seu ambiente trabalho, sem que sejam perceptíveis alterações ao que já conhecia. Porém, ao abrir o menu ‘Iniciar’ verificará que poderá configurar o número de colunas disponíveis (anteriormente só existiam duas no máximo) onde estarão as aplicações instaladas. Além destas, é frequente o aparecimento de uma ou outra publicidade, algo que é bastante fácil de eliminar, bastando para tal aceder ao menu ‘Iniciar’ > ‘Definições’ e ‘Personalização’; na opção ‘Início’, desative ‘Apresentar ocasionalmente sugestões em Início’.

 

6. Novo Microsoft Edge

06 - Edge

Uma das grandes novidades desta nova atualização é a presença de uma nova versão do browser Edge. Esta traz novidades como a possibilidade de ter uma pré-visualização dos separadores existentes. Se tiver mais que um dispositivo com o Windows 10, já é possível sincronizar as suas definições como acontece com o Google Chrome, ou seja, partilhar as suas passwords, favoritos e listas de leitura entre todos os dispositivos. Para tal deverá aceder ao botão de reticências no topo (designado por ‘Mais’), depois a ‘Definições’ e ativar a opção ‘A sincronizar os seus conteúdos’. No menu ‘Mais’ poderá ainda usar a função ‘Converter suporte de dados para o dispositivo’, que lhe permitirá emitir conteúdos para um dispositivo que suporte DLNA ou Miracast, como um televisor ligado à sua rede doméstica, escolhendo de seguida qual o dispositivo para o qual deseja emitir os conteúdos.

 

7. Gestão de espaço

07 - Armazenamento

Algumas das principais queixas após a atualização para o Windows 10 foi a do espaço consumido pelo novo sistema operativo e dos problemas na ligação com as impressoras. Ambos foram resolvidos com esta nova atualização do Windows. Assim, vai poder, a partir de agora, escolher o destino das novas aplicações, documentos, músicas, novas imagens e novos vídeos, sendo-lhe dada a opção de gravar estes conteúdos para um dos discos existentes. Em termos das impressoras, poderá configurar o Windows para que utilize a última impressora instalada como a pré-definida, ativando a função ‘Permitir que o Windows faça a gestão da minha impressora predefinida’.

 

8. Novas aplicações

08 - Skype

Com a atualização, o Windows 10 recebe quatro novas ferramentas: três dedicadas ao Skype e uma para visualização de apresentações. As primeiras três estão associadas ao Skype, sendo elas o serviço de mensagens através do telefone que realiza e recebe chamadas digitais, bem como o Skype Video, ideal para videochamadas entre utilizadores no mesmo serviço. Relativamente ao Sway, esta aplicação, que faz parte do novo Office, permite criar e partilhar apresentações, histórias pessoais e relatórios interativos.

 

9. Encontre o meu dispositivo

09 - Dispositivos

Exclusivo para dispositivos móveis (portáteis, tablets e híbridos), o Windows 10 acaba de receber uma ferramenta que permite encontrar o seu dispositivo, algo particularmente útil se o perder ou desconfiar de que o mesmo tenha sido roubado. Para o ativar deverá aceder ao menu ‘Iniciar’ e depois seguir o caminho ‘Definições’ > ‘Actualizar’ > ‘Segurança’. Finalmente entre em ‘Encontre o meu Dispositivo’. Aqui deverá fazer login na sua conta Microsoft para que possa saber, remotamente, a localização do mesmo. Caso o pretenda encontrar, apenas precisa de entrar  nesta página da Microsoft.

 

10. Personalização extra

10 - Personalizar

Esta atualização também permitiu adicionar algumas melhorias cosméticas, como a possibilidade do Windows escolher automaticamente a cor do Windows de acordo com a cor característica da imagem de fundo do Windows. Para tal basta clicar com o botão esquerdo no ambiente de trabalho e escolher a opção de ‘Personalização’. Depois, no menu de cores, poderá ativar o modo ‘Escolher automaticamente uma cor característica da minha imagem de fundo’. Poderá ainda ativar a função ‘Mostrar cor em Início’, na barra de tarefas, no Centro de Ação e na Barra de Título para transformar o fundo negro destes objetos de acordo com a cor predominante da imagem de fundo.

(Via)

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Dicas, Windows 10. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s